Qual a diferença entre sexo e sexualidade?

 

 

 

 

 

 

Todo mundo já ouviu que a sexualidade é um aspecto importante da nossa vida, mas...o que é sexualidade? Na verdade, esse é um termo bastante amplo e abrangente e dificilmente se encaixa em uma definição única e absoluta.

A maioria das pessoas confunde a sexualidade com o sexo. Embora a sexualidade também englobe o tema sexo, ela não é só isso. Quando falamos sobre sexo, muitas vezes nos referimos à prática sexual que envolve uma intimidade física.

Consideramos que o desenvolvimento da sexualidade é um aspecto biológico do ser humano que é influenciada pelo contexto social, cultural, histórico, psicológico, econômico, político, religioso e éticos em que o sujeito está inserido. Ou seja, a sexualidade pode ser expressada de formas diferentes de pessoa para pessoa, pois recebe forte influência do convívio social.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a sexualidade é “uma energia que nos motiva para procurar amor, contato, ternura e intimidade” e ela “influencia pensamentos, sentimentos, ações e interações e, por isso, influencia também a nossa saúde física e mental”. Podemos dizer que a sexualidade está relacionada com tudo aquilo que somos capazes de sentir e expressar, com a forma que a gente se coloca no mundo e como nos relacionamos com o outro a fim de buscar o prazer. Esse prazer não precisa necessariamente ser o prazer sexual.

Portanto, pode fazer parte da sexualidade, a necessidade de admiração, autoestima e a satisfação corporal, por exemplo. Consequentemente, a sexualidade está diretamente ligada ao bem-estar do indivíduo, pois estar bem consigo mesmo é estar bem com a sua sexualidade.

Autora: Sabrina Vega Murai - Psicóloga com foco em sexualidade

.png